segunda-feira, 5 de março de 2012

Avenida-RS

Hoje o destaque vai para o tradicional Avenida de Santa Cruz do Sul-RS. Ano passado, foi campeão de um dos campeonatos mais "cascas grossas" do país - a segundona gaúcha. Na década de 70 chegou a fundir-se com o seu maior rival, o Santa Cruz, porém a ideia não vingou, a parceria durou pouco tempo. Os dois times estão hoje na elite do futebol gaúcho e por isso a rivalidade está ainda mais evidente. Ambos se encontraram para a disputa de mais um Ave-Cruz, clássico que parou a cidade, no dia 26 de janeiro, ainda pela Taça Piratini - primeiro turno do Gauchão. O Santa Cruz venceu por 2x0.
O segundo turno - Taça Farroupilha, iniciou-se no último sábado e o Avenida fez seu dever de casa batendo o Caxias por 1x0, no estádio Eucaliptos. O clube quer esquecer a péssima campanha do primeiro turno quando ficou em último no Grupo B, com apenas 8 pontos somados em 8 jogos disputados.

sexta-feira, 2 de março de 2012

Sobradinho-DF

Hoje irei postar um time que remete a minha infância, o Sobradinho, um dos times mais antigos do DF. Lembro-me que o clube disputou o Campeonato Brasileiro de 1986, naquela época não havia a tecnologia de hoje, a revista Placar era leitura obrigatória. A revista publicava a ficha técnica de todos os jogos, eu decorava as escalações dos times, sabia até a do Sobradinho que fez uma das piores campanhas daquele ano. Apesar de perder quase todas, o time não se entregava, perdia mas dificilmente era goleado.
Hoje o Sobradinho voltou a disputar o Candangão e até que vem apresentando um bom desempenho. Em três partidas venceu duas e perdeu uma. Seu último resultado foi a goleada de 5x1 contra o Formosa.
A fórmula do Candangão 2012 lembra a do Campeonato Carioca, existem dois grupos - A e B. No primeiro turno - taça JK - ocorre os confrontos de grupos contra grupos e no segundo turno - taça Mané Garrincha - a disputa é interna. O Sobradinho, conhecido como "Leão da Serra" está em terceiro no grupo A, atrás de Brasiliense e Luziânia.

quinta-feira, 1 de março de 2012

Tuna Luso-PA

Assim como ocorre em muitos Estados do Norte e Nordeste, o futebol paraense passa por um momento de transição, os clubes do interior estão levando a melhor e tirando o favoritismo dos tradicionais da capital. A Tuna Luso Brasileira, é um exemplo típico dessa mudança, há tempos, vem jogando muito mais para se manter na primeira divisão do estadual do que para conquistar títulos. Seu último grande feito foi em 1992, quando sagrou-se campeã da Série C nacional.
A fase atual é de vacas magras, mas houve um período em que a equipe cruzmaltina não tinha nada de modesta, pelo contrário, era quase imbatível em campo. No início dos anos 80, a Tuna além de conquistar títulos estaduais, fez boas campanhas nacionais. Foi campeã da Taça de Prata, como era chamada a Série B daquele período. Eliminou clubes respeitados como Figueirense, Fortaleza e Rio Negro-AM. Nas finais bateu o Goytacaz-RJ nos dois jogos pelo mesmo placar de 3x2. Fez uma campanha brilhante, com placares elásticos. Ontem, o time luso começou mal o segundo turno do Parazão 2012, perdeu em casa para o Independente, atual campeão, por 3x1.

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Horizonte-CE

Atendendo o pedido do Alcides Nogueira, segue o time cearense do Horizonte. O clube profissionalizou-se em 2004. Seu maior feito até hoje, foi sem dúvida ter feito uma bela campanha na Copa do Brasil do ano passado. Eliminou clubes mais tradicionais como Guarani de Campinas, Asa de Arapiraca e acabou sendo eliminado nas quartas de final pelo Flamengo. Na época houve muita exposição na mídia. O "Galo do Tabuleiro", como é chamado por sua torcida ganhou projeção nacional, empatou no Engenhão no Rio de Janeiro com a equipe rubro-negra (1x1) e perdeu em casa por 3x0.

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Petrolina-PE

Segue mais dois pedidos de times nordestinos. Primeiro o tradicional  Ferroviário de Fortaleza e acima o Petrolina, clube da cidade de mesmo nome que fica na região semiárida de Pernambuco, bem na divisa com o município de Juazeiro na Bahia. O "Férrim" faz um péssimo Campeonato Cearense, depois da goleada sofrida no  clássico contra o Fortaleza (4x1), corre hoje sério risco de ser rebaixado. Claro, que ainda tem todo um segundo turno pela frente, mas até agora o clube somou apenas 5 pontos em 10 jogos disputados. A sirene já tocou no estádio Elzir Cabral. O Petrolina também sofreu uma goleada - tomou de 6x0 do Santa - , porém faz uma boa campanha no Campeonato Pernambucano. Ocupa hoje a quarta colocação, com 21 pontos conquistados em 12 jogos disputados. Ano passado ficou na oitava colocação.

domingo, 26 de fevereiro de 2012

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

SALDÃO DE FEVEREIRO: Araripina-PE



Antes de mais nada, gostaria de agradecer mais uma vez pelas palavras de incentivo, foram muito importantes para a minha última "produção". Para muitos o ano começa hoje, então nada melhor que fazer um saldão atendendo pedidos de times mais "alternativos", que recebi nos últimos dias. Numa única solada resolvi publicar cinco novos times. Araripina e Ypiranga (ambos de Pernambuco), para o Guilherme Nogueira, Skoda Xanthia da Grécia, esse post é especial para a simpaticíssima Patrícia Souza de Itajubá-MG, aliás a primeira menina a pedir um time aqui no blog, São Raimundo de Manaus, campeão de pedidos no Escuderias e por fim o centenário Jaboticabal, pedido do Thiago Mialich. Divirtam-se!!!

Ypiranga-PE

Skoda Xanthi - Grécia

São Raimundo-AM

Jaboticabal-SP

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Málaga - Espanha

Hoje resolvi postar o tradicional Málaga, clube da Andaluzia, que foi comprado por cifras milionárias pelo sheik Abdullah Bin Nasser Al Thani, em 2010. Com boas contratações, esperava-se uma bela campanha do clube na atual temporada do Campeonato Espanhol, porém Los Boquerones ocupam apenas a oitava colocação, atrás de times bem mais modestos - pelo menos em investimentos - como Levante, Espanyol e Athletic Bilbao. O Málaga tem dois brasileiros em seu elenco, o zagueiro Weligton e o tarimbado Júlio Baptista.

Ao lado elaborei mais uma enquete referente as artes que crio aqui no Escuderias. Dessa vez gostaria de saber se devo manter ou não as golas estilizadas nos escudos. Deixe seu voto, será muito importante, pois pretendo padronizar minhas criações a partir desse ano.

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Everton - Inglaterra

Como alguns souberam estive de luto na última semana, meu pai faleceu vítima de câncer. Foi ele quem me ensinou a jogar e gostar de futebol de mesa. Então, antes de mais nada, gostaria muito de agradecer a todos que me mandaram mensagens e palavras de conforto e solidariedade durante a última semana. Muito obrigado pela força!!!
Resolvi postar hoje os dois últimos clubes com seus respectivos patrocinadores masters. Conforme resultado da enquete feita aqui no Escuderias, a partir dos próximos posts estarei apresentando minha arte apenas com o escudo do clube, a marca do fornecedor de material esportivo e o número. Confesso que não sou fã dos tais patrocinadores ou apoiadores, cada vez mais os escudos estão perdendo seu espaço nas camisas, sem contar que existem times que trocam de patrocínio a cada seis meses, é complicado para quem elabora as artes.
Assim atendo então o Jorge Meier que quer jogar com tradicional Everton da Inglaterra e o Paranavaí, campeão paranaense em 2007 e que anda mal das pernas no atual certame. Esse pedido vai para o meu amigão de Salvador, André Ricardo, que me mandou o melhor presente que ganhei em 2011, uma sacola cheia de botões preciosos da década de 80/90, a maioria Gulliver. André mandarei para você por e-mail uma versão do Paranavaí sem o patrocínio master também! Grande abraço!!!

Paranavaí-PR

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Montpellier - França

Hoje irei postar o simpático Montpellier, clube fundado em 1919 e que atualmente é gerenciado pelo ex-jogador René Girard. Apesar de ser um dos clubes mais tradicionais da França, o Montpellier ainda não possui um título nacional, conquistou até agora apenas duas Coupe de France (Copa da França), em 1929 e 1990.
Em 1992 levaram a Coupe d'été, precursora da Coupe de la Ligue, atual Campeonato Francês, fundado em 1994. Apenas o zagueiro cental Hilton (ex-Paraná e Chapecoense, mas com bastante experiência no futebol francês) é o único brasileiro que faz parte do atual elenco do Montpellier.

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

PAOK - Grécia

Hoje, atendo o pedido do Alcides Nogueira que quer o PAOK da Grécia. O nome original do time é tão extenso que é melhor publicar abreviado mesmo. Curiosamente, ocorreu nessa semana um verdadeiro "rebuliço" entre o clube grego e a UEFA, entidade que controla o futebol europeu.
Quarta-feira (10/01), o PAOK recebeu um comunicado que foi excluído das competições europeias por um ano, além disso, recebeu uma multa de 250.000 euros por descumprimento das regras de licenciamento exigidas pela Comissão de Controle e Disciplina da UEFA.
Apesar da notícia ter abalado sua fanática torcida, nem tudo é tão desesperador no PAOK. O clube tem de provar até o dia 30 de junho de 2012, que não têm dívidas excessivas a empregados, ao fisco, à segurança social ou a outros clubes. Por enquanto essa exclusão está em suspenso. Se os gregos arrumarem a casa, deixando as finanças em dia continuarão participando das competições européias, caso contrário além da exclusão imediata e da multa, o clube também ficará vetado de participar de qualquer torneio europeu durante as próximas três temporadas. Vai ser dose!

O PAOK disputa atualmente a fase eliminatória da Liga Europa, na qual enfrentará a Udinese da Itália no próximo mês, depois de ter terminado como líder de um grupo que contava também com Rubin Kazan (Rússia) , Tottenham (Inglaterra) e Shamrock Rovers (Irlanda). Seu elenco possui dois brasileiros: o lateral-esquerdo Lino, que já jogou em vários clubes daqui como Corinthians, São Paulo, Bahia, Fluminense e Figueira e o lateral-direito Etto, que já jogou no Criciúma, Atlético-PR e Bahia. Etto na verdade tem dupla cidadania (brasileira/croata).

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Légia Varsóvia - Polônia

Atendendo o pedido da UNIFA, segue o tradicional Legia Varsóvia, um dos clubes com mais conquistas na Polônia. O clube foi fundado por militares e teve sua melhor fase no início dos anos 70, quando chegou na semifinal da Taça dos Clubes Campeões Europeus, atualmente ampliado e conhecido como Champions League. O Legia empatou em casa (0x0) e depois perdeu para os holandeses do Feyenoord, que sagraram-se campeões na temporada (1969-70) ao baterem os escoceses do Celtic, na final. Na temporada seguinte, o clube chegou até as quartas-de-final.
Mesmo no período em que a Polônia fazia parte da antiga "Cortina de Ferro", o Legia mostrava-se um clube anti-comunista conquistando a simpatia de muitos torcedores. Hoje o clube pertence a ITI, uma grande corporação polonesa ligada aos meios de comunicação. Disputando atualmente a Liga Européia, o Legia irá enfrentar o Sporting de Portugal. As partidas de ida e volta serão disputadas em fevereiro.

Abrindo um parênteses, gostaria muito de agradecer ao amigão Jonathas Sandes do blog Sandesign - http://sandesignarts.blogspot.com/ que me mandou por iniciativa própria, várias fontes esportivas. Elas irão me auxiliar e muito nas minhas futuras criações. É de iniciativas louváveis como essa que o futmesa consegue se manter e renovar. Essas parcerias só engrandecem o esporte. Obrigado Jonathas!!!

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Cametá-PA

Para o Leonardo de Belém do Pará, segue acima o time do Cametá, cidade que fica às margens do Rio Tocantins, no nordeste do Estado. É mais um da série "novos clubes", pois profissionalizou-se em 2009. Logo em sua primeira participação na primeira divisão paraense, o clube chegou ao honroso 4º lugar, em 2010. Ano passado, o Cametá foi a sensação do campeonato. Decidiu dois turnos, mas não chegou a classificar-se para a grande final. Perdeu a vaga no primeiro turno para o tradicional Paysandu e no segundo turno foi eliminado pelo atual campeão do Pará, Independente de Tucuruí. Na classificação final ficou novamente na 4ª posição, um feito brilhante para um clube ainda novato na competição. Sábado (14/1), o clube irá estreiar no Parazão 2012, jogando com o Paysandu no estádio Leônidas Castro, o popular Curuzu.

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

São Caetano-SP

Além de contratações pontuais, o São Caetano vem com novidades para 2012. A maior, sem dúvida é a volta do fornecedor de material esportivo Wilson - a empresa é filiada a Amer Sports, da Finlândia.
A Wilson já vestiu o time entre o início de 2004, ano da conquista do Campeonato Paulista, e o fim de 2007, primeira temporada do clube na Série B do Campeonato Brasileiro.
Porém a nova camisa criada pela empresa já gerou bastante polêmica entre os torcedores, a grande maioria reclama que está faltando a tradicional cor vermelha, pior, azul e branco são as cores do rival Santo André. Se eu fosse presidente do São Caetano mandaria a Wilson fazer uma nova camisa com detalhes vermelhos ou até usaria a tal mal falada nova camisa, mas com calções vermelhos. A voz do povo é a voz da razão!

domingo, 8 de janeiro de 2012

Vaslui - Romênia

Atendendo o pedido do Cláudio Pinto do Grupo Futmesa Brasil no Facebook, segue o Vaslui, clube romeno que mesmo sem títulos nacionais, fez campanha razoável na Liga Europa. O clube é novo, foi fundado em 2002 e fez suas melhores atuações nas últimas duas temporadas do Campeonato Romeno, ficando na terceira colocação.
A participação na Liga Europa é o maior feito do clube até o momento. E sua campanha não foi ruim. O Vaslui estava no grupo D que contava com Sporting (Portugal), Lazio (Itália) e Zurique (Suíça). Chegou a vencer o líder Sporting (1x0) em casa e empatar (2x2) com a Lazio, em Roma. Ficou na terceira colocação com seis pontos ganhos mas sem chances de classificação para a próxima fase.
As cores verde e amarelo não predominam só no uniforme do Vaslui, o elenco é recheado de brasileiros, como o zagueiro Gladstone (ex-Cruzeiro e Náutico), o atacante Adaílton (ex-Guarani e Juventude), os meias Gerlem (ex-Bahia) e Wesley (ex-Fortaleza), além do goleiro pernambucano Massimo Zappino, que também possui cidadania italiana. A Liga Europa ficou para trás, agora o maior objetivo do Vaslui em 2012 é levantar o inédito caneco nacional. A oportunidade nunca esteve tão próxima.

sábado, 7 de janeiro de 2012

Serra Talhada-PE

Vou postar hoje um verdadeiro caçula do futebol nacional. Sim esse merece ser chamado dessa forma, pois o Serra Talhada F.C. foi fundado em fevereiro do ano passado, não completou nem um ano de vida e já irá estreiar no Campeonato Pernambucano de 2012. O time já recebeu a alcunha de "Laranja Mecânica do Sertão" e o mascote é Virgulino Ferreira da Silva, o célebre cangaceiro Lampião. A cidade de Serra Talhada agora comporta dois clubes: Serra Talhada, atual campeão da Série A2 e Serrano - licenciado da Federação Pernambucana desde 2010.
O site do clube é bem organizado e já houve lançamento dos uniformes de jogo e treino, com presença da musa Viviane Araújo. Quem quiser dar uma visitada acesse: http://www.serratalhadafc.com/

Debrecen Vasutas - Hungria

No meu segundo post em 2012, vou atender um pedido internacional. Segue acima o time do Debrecen Vasutas, que é da cidade do solicitante Zoltán Puskás da Hungria. É um dos melhores clubes do atual cenário hungáro, possui o apelido de Loki ou Lokomotiv. Conquistou cinco títulos nacionais nos últimos dez anos. Um dos grandes feitos do Debrecen foi entrar na fase de grupos da Champions League na temporada 2009/10. Caíram num grupo ''carne de pescoço'' com Fiorentina, Liverpool e Lyon. Não pontuou, mas valeu a experiência para sentir um pouco do universo do principal torneio de clubes da Europa. A capacidade do estádio do clube é para apenas 10 mil pessoas. Na época, para jogar as partidas da Champions, o clube teve que mandar seus jogos na capital Budapeste, no estádio Ferenc Puskás, com capacidade para 42 mil pessoas. Parece que a diretoria do clube pretende inaugurar um novo estádio para os próximos anos.

Agora não me perguntem se o Zoltán é parente do grande mestre Ferenc Puskás, um dos melhores jogadores de todos os tempos, se for ou não é sempre uma honra atender alguém que joga futmesa em outro país.

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

River - PI

Antes de mais nada saúdo um novo ano de muita harmonia, paz e conquistas. Peço desculpas pela demora em criar novos times aqui no Escuderias. Deixei de postar não por causa da correria, comum nos finais de ano, e sim por motivos particulares. Infelizmente, meu pai passa por um momento de saúde muito delicado, além de pouco tempo disponível, houve muita desmotivação em tocar o blog. Meu pai foi quem me apresentou ao futmesa, lembro dos primeiros times que ganhei dele: São Paulo e Fluminense - naqueles modelos Gulliver antigos com acrílicos reforçados, zagueiros mais ''parrudos'' lembram? Isso deve ter sido em meados de 1981/82.
Assim mesmo, resolvi voltar a ativa pois recebi muitos pedidos e percebi que o blog mesmo desatualizado continua tendo muito acesso - fico imensamente feliz com isso! Então meu primeiro time em 2012 é o simpático River de Teresina, o clube com mais títulos no Piauí - 27 no total. Estou atendendo o pedido do atencioso Vinicius Tobias Duarte Mourão, que me mandou todos os detalhes da camisa, escudo, patrocinadores, enfim.

Falando em patrocinadores, bolei uma enquete, logo ali no lado direito, abaixo dos seguidores questionando justamente esse assunto aqui no blog. Gostaria de saber se devo produzir times com patrocínios ou devo abolir por completo, deixando apenas como destaque os números, escudo e marca do material esportivo. Levantei esse assunto devido as mudanças constantes dos patrocinadores nas camisas dos clubes. Pra quem cria é muito chato refazer times toda vez que um novo apoiador surge. Além disso tem o aspecto poluição visual. Qualquer torcedor percebe que a cada ano que passa o escudo do seu time está sumindo, ou se perde em meio a um emaranhado de marcas.
Fico no aguardo de sua participação!! UM ÓTIMO ANO E MUITO OBRIGADO PELA SUA VISITA!!!